O Vereador Robertinho Mori parabeniza ao Reverendíssimo Dom Eduardo Malaspina

O Vereador Robertinho Mori parabeniza ao Reverendíssimo Dom Eduardo Malaspina pela nomeação como Bispo Diocesano de Itapeva-SP. O parlamentar teve o privilégio de acompanhar e auxiliar o trabalho pastoral do então pároco Eduardo Malaspina na Paróquia de São Nicolau de Flue que foi sensível a problemática social instalando o Projeto Anjo da Guarda proporcionando atividades as crianças e adolescentes da comunidade.

Robertinho Mori apoia o Projeto Anjo da Guarda que através de Emenda Parlamentar trouxe grandes Mudanças a entidade. O Bispo é uma inspiração pelos bons feitos e amor ao próximo, ressalta o Vereador.

*Nota de Pesar*

Com pesar recebemos a notícia que no dia 20 de dezembro faleceu o Dr. Normando Lima, homem íntegro, com valores familiares, engajado nas lutas democráticas e pela justiça social. Uma perda que certamente causou à família, a sociedade médica, a comunidade e amigos uma profunda tristeza.

O adeus ao ente querido sempre é dolorido, mas certamente será lembrado por todos que o conheceram e conviveram com ele, com muita admiração e saudades.

Recebam nossas condolências mais profundas pela irreparável perda.

VEREADOR ROBERTINHO MORI PARTICIPA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA DO PLANO MUNICIPAL DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS

Na noite de ontem (07) o parlamentar participou da Audiência Pública do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos elaborado pela FIPAI (Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial).

A Audiência contou com presenças do Secretário Municipal do Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e Inovação – José Galizia Tundisi e Engo. Francisco Porto; Promotor Público do Meio Ambiente – Flávio Okamoto; Morador do Espraiado – Dr. Gustavo; Dirigente Regional do Estado – Profa. Débora Gonzalez Costa Blanco e professores das Escolas; Embaixadores Ambientais; Prof. Senior do Depto de Hidráulica e Saneamento da USP – Valdir Schalch; Engenheira – Ambiental – Júlia Guermandi; Gestora e Analista Ambiental – Cristine Diniz; Representante Secretaria de Serviços Públicos – Fábio Moreira Pinto da Silva; Bióloga – Semeia Compostagem – Andrea Lourenço; Vereador PSOL/Florianópolis – Marcos José de Abreu – Marquito; Coordenador da FIPAI – Tulio de Lima e equipe técnica da fundação; Prof. Paulo Mancini e Vereadores.

Robertinho indagou sobre a aplicabilidade das Leis de sua autoria, tais como:

– Lei Nº 14.497 DE 11 DE JUNHO DE 2008 – “Programa de Aproveitamento de Madeira de Podas de Árvores – PAMPA” ;

– Lei Nº 15.072 DE 16 DE OUTUBRO DE 2009 – Coleta, Reutilização, Reciclagem, Tratamento e Disposição Final de Lixo Tecnológico;

– LEI n°. 13.085 DE 12 DE DEZEMBRO DE 2002. Obriga o Poder Público a criar rubrica especial para registro imobiliário e a colocar placas indicativas em todos os imóveis de propriedade do Município;

– LEI Nº 14.171 DE 9 DE AGOSTO DE 2007. Fica autorizado a instituição do “Programa para a Destinação e Recolhimento de Óleo Vegetal ou Gordura”;

Nesta oportunidade Robertinho enalteceu o trabalho do Presidente da Comissão do Meio Ambiente e seus participantes, parabenizou os Embaixadores Ambientais pela dedicação e compromisso, pois eles farão a diferença no futuro do país. Cobrou do Poder Executivo ações eficientes na implementação do Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos, pois durante estes 02 anos houve muito pouco avanços em relação a políticas públicas dos resíduos sólidos.

 

 

Hino a São Carlos

Na data de ontem (06) os participantes do Projeto Cor Ação compareceram na 42ª. Sessão Extraordinária e cantaram o Hino a São Carlos.

Por reconhecer a importância de resgatar o patriotismo e o civismo na Rede Municipal o parlamentar foi o propositor da Lei 12.967/02 que instituiu cantar o Hino Nacional e o Hino a São Carlos uma vez por semana. Como havia desconhecimento do Hino a São Carlos o Maestro Robertinho Mori realizou sua Transcrição.

Em 1990 ocorreu a Divulgação da Partitura e foi realizada a Primeira Audição da Obra pela belíssima Banda Marcial Faber-Castell. Atualmente a Banda Marcial Ariosto Gioiosa dá continuidade na divulgação deste trabalho cívico. No Município os Hinos são cantados em Sessões Ordinárias, Extraordinárias, Solenes e Eventos Governamentais.

“Muito me honra e alegra perceber que as gerações estão tendo a oportunidade de conhecer e apreciar as belezas de São Carlos, por meio da música” disse Robertinho Mori.

 

Workshop de Samba

05 de Dezembro

Ocorreu neste final de semana o Primeiro Workshop de Samba. O Dia do Samba foi instituído na cidade de São Carlos através da lei de autoria do Vereador Robertinho Mori que valoriza e resgata a cultura popular brasileira. Este ano a homenageada da Primeira Edição foi Odete dos Santos, professora de dança de salão, sambista , importante figura na promoção da música, arte e cultura do município.

Contamos com a participação do renomado professor e coreógrafo Jaime Arôxa com muita experiência nacional e internacional , na ministração do Workshop de Samba na Fundação Educacional de São Carlos (FESC). Nesta oportunidade Jaime passou os fundamentos iniciais do samba de forma espontânea e descontraída, contou com a participação da parceira Valéria Seki. No final do Workshop os participantes receberam um certificado deste evento.

Robertinho Mori agradeceu o apoio da Prefeitura Municipal de São Carlos, por meio da Secretaria Municipal de Esporte e Cultura pela colaboração nesse encontro.

“É preciso valorizar cada vez mais nossa cultura, instituir o Dia do Samba foi uma honra para mim pois, resgata a identidade do povo brasileiro, trazendo alegria, cultura e lazer. Meu compromisso é estimular os grupos musicais de samba de São Carlos e região para ampliar os talentos musicais”, ressalta o Vereador Robertinho Mori.

Evento em Comemoração ao Dia do Samba

Ocorreu neste final de semana o Primeiro Evento em Comemoração ao Dia do Samba , este projeto foi instituído na cidade de São Carlos através da lei de autoria do Vereador Robertinho Mori que valoriza e resgata a cultura popular brasileira. Este ano a homenageada da Primeira Edição foi Odete dos Santos, professora de dança de salão, sambista , importante figura na promoção da música, arte e cultura do município.

“É preciso valorizar cada vez mais nossa cultura, instituir o Dia do Samba foi uma honra para mim pois, resgata a identidade do povo brasileiro, trazendo alegria, cultura e lazer. Meu compromisso é estimular os grupos musicais de samba de São Carlos e região para ampliar os talentos musicais”, ressalta o Vereador Robertinho Mori.