• VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show
  • VTEM Image Show


PARQUE DAS ARTES “JOSÉ SIDNEY LEANDRO”
Alguém já disse certa vez que: A ARTE É O EXERCÍCIO DA LIBERDADE.
Pois neste lugar, onde sopram os ventos da liberdade, surgirá a Casa onde num futuro próximo, abrigará atividades culturais, intelectuais e artísticas sob todas suas formas, desenvolvendo atividades nas áreas de Música, Artes Cênicas, Artes Plásticas, Literatura e tantas outras manifestações.
Com uma área de 7.500m², o Parque das Artes terá espaço também para o meio ambiente, formando uma TRILHA ECOLÓGICO-CULTURAL.

Notícias sobre a Trilha:
Robertinho destina recursos para construção de uma trilha ecológica
Trilha Ecológica

  

Parque das Artes “José Sidney Leandro”


A Lei 13.942 de 08 de Dezembro de 2006, lei de autoria do Vereador Robertinho Mori, denominou a área institucional cedida pelo governo municipal como: PARQUE DAS ARTES “JOSÉ SIDNEY LEANDRO”.
E em 09 de Dezembro de 2006 efetuou-se a colocação da pedra fundamental no local da construção.
O local que em um futuro próximo abrigará atividades culturais, intelectuais e artísticas sob todas as formas e tipo, levará o nome do saudoso Professor José Sidney Leandro, que tanto contribuiu para a difusão da arte e da cultura em nossa cidade.
Falecido em 1995, José Sidney Leandro foi além de agitador e animador cultural, um grande incentivador das artes plásticas, cênicas e visuais.

Projeto Parque das Artes “José Sidney Leandro”


 

O projeto surgiu da idealização de homens como o vereador Roberto Mori Roda, o Dr. Paulo Cruvinel, o Dr. Marco Antônio Nagliatti e toda a diretoria da Associação de Artes de São Carlos – AASC.
E foi das mãos do renomado arquiteto paulistano Dr. Fábio Penteado, o mesmo que auxiliou no projeto do Shopping Center Iguatemi em São Carlos, que o sonho começou a adquirir formas e cores.
No projeto ainda está presente o trabalho dos engenheiros Marco Antônio Nagliati, Edno Aparecido Messias de Miranda, Sérgio Murilo de Oliveira Benedicto, Paulo Cruvinel e do arquiteto César Sampedro.
Caminha em conjunto um projeto buscando incentivo através da Lei Rouanet, o qual foi aprovado em Julho de 2008, tendo o Edital do Diário Oficial saído em Outubro autorizando a captação no valor de R$ 725.050,64 que muito contribuirá para o andamento e conclusão da obra do Parque das Artes.


Reunião dos Diretores da AASC com o vereador - Apoio para a construção do Parque das Artes

 

Acompanhe nosso trabalho

Envie suas sugestões, críticas.