Vereador Robertinho Mori solicita a implantação do Instituto de Reabilitação da Rede Lucy Montoro

O vereador Robertinho Mori (PSDB) apresentou uma moção, encaminhada ao governador do Estado de São Paulo, e à Secretaria de Estado da Pessoa com Deficiência, solicitando a vinda do Instituto de Reabilitação Rede Lucy Montoro para São Carlos.

Robertinho, em 2008, sugeriu que a municipalidade de São Carlos pleiteasse junto ao governo estadual uma unidade do Instituto de Reabilitação da Rede Lucy Montoro, lançado naquela ocasião, entendendo que já naquela época o município reunia totais condições para receber a unidade. Ainda naquele ano foi encaminhada moção ao governador do Estado de São Paulo, à Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e à Secretaria de Saúde, ressaltando a importância dessa iniciativa.

Em 2015 o vereador Aparecido Donizete Penha, manifestando o interesse em trazer para a cidade o Instituto de Reabilitação da Rede Lucy Montoro, obteve 5 mil assinaturas em abaixo assinado e protocolou no Palácio dos Bandeirantes  o ofício 109/15.

A Rede de Reabilitação Lucy Montoro tem como objetivo proporcionar o melhor e mais avançado tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências físicas incapacitantes, motoras e sensório-motoras. O instituto realiza programas de reabilitação específicos e conta com profissionais das mais variadas áreas, como médicos, psicólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, enfermeiros e nutricionistas especializados em Reabilitação. Conta com Oficinas Terapêuticas e Profissionalizantes e oficinas próprias de órteses e próteses.

“Será extremamente benéfica para a comunidade deficiente de São Carlos – cidade que atualmente possui uma Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência voltada a propor políticas públicas para o segmento – a implantação de uma unidade do Instituto de Reabilitação Lucy Montoro São Carlos atende aos critérios para a efetivação da medida, que faz por merecer a atenção do governo estadual por ser viável e, pelos relatos já apresentados, uma iniciativa justa e necessária”, declarou Robertinho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *