Abertura dos Sanitários Públicos

28/05/2012

Desde agosto de 2007 o vereador Robertinho Mori vem buscando informações sobre a reabertura do sanitário público da Igreja São Benedito.

Agora, em novo requerimento o vereador busca junto à administração a viabilidade da reforma do sanitário, visando atender a solicitação de comerciantes e munícipes em geral quanto a necessidade visível de possibilitar a utilização do mesmo pela população.

No ano de 2007 foram dois requerimentos protocolados, solicitando informações em relação ao prazo de execução do projeto de revitalização do “Calçadão da General Osório”.

Em fevereiro de 2008 Robertinho perguntou novamente sobre a possibilidade da abertura do banheiro para a população, visto que o problema apontado permanecia, trazendo problemas para os comerciantes da região, que observam pessoas fazendo suas necessidades no Jardim e nas vias públicas. No mês de maio do mesmo ano buscou outras informações, anexando um abaixo-assinado dos comerciantes da região.

No ano de 2011 protocolou um novo requerimento, pois o único banheiro de acesso público é o do Mercado Municipal. E responderam que o banheiro se encontrava desativado devido à prática constante de vandalismo, atos ilícitos e imorais no horário de funcionamento, gerando inúmeras reclamações de moradores e comerciantes da região.

E agora em 2012 buscou novas informações, pois o problema apontado desde 2007 ainda permanece, trazendo problemas para os comerciantes da região e também para a população que precisa andar várias quadras, muitas vezes com crianças, para utilizar o sanitário do Mercado Municipal, ou pedir a algum comerciante que permita o uso do sanitário de dentro de sua loja, o que vem a anos constrangendo a população e os comerciantes, que preocupados com possíveis assaltos, acabam não permitindo a utilização. Além de questionar o início das obras de revitalização do“Calçadão da Rua General Osório”, que contempla a reforma do Largo São Benedito, que, segundo informaram em última resposta, foi concluído em 2008. , o vereador quer saber da possibilidade da presença da Guarda Municipal no local, ou de um funcionário de limpeza em cada sanitário, para que ocorra a utilização ordenada e segura pela população.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *